POWr Social Media Icons

segunda-feira, 19 de maio de 2014

Processos de Lavagens do Jeans entre outras técnicas





Quando olhamos uma vitrine e um jeans nos chama atenção, nem imaginamos o que foi feito com o material para que chegasse naquele visual bacana.


Na verdade o jeans passa muitas vezes por inúmeros processos até chegar no tom ou trabalho escolhido.
Para que você possa entender melhor um pouco de algumas etapas e procedimentos, selecionamos alguns processos de lavagens e também um vídeo explicativo da empresa ELLUS que expõe bem algumas características e o  passo a passo do DNA da marca, que é o jeans.
Importante ressaltar que muitas vezes quando o jeans tem um valor diferenciado, é devido ao processo que sofreu, e também de algumas alterações e procedimentos manuais que cada empresa insere no seu produto, que por consequência acaba agregando valor na peça em função de pequenos detalhes.


Beneficiamentos
Nesta etapa, as peças passam por um ou diferentes tipos de lavagens do jeans – algumas utilizam temperaturas altíssimas – e/ou outros tipos de acabamentos.

Stone Wash: este é o tipo mais comum de lavagem e consiste basicamente em jogar a peça em uma máquina de lavar junto com objetos ou produtos químicos que promovam o amaciamento da peça, bem como um leve desbotamento.

Delavé: neste processo de beneficiamento da peça, é adicionado na lavagem da roupa um alvejante químico que a deixa mais clara e macia.

Dirty Washed: para atingir este efeito, o jeans recebe dois tipos diferentes de corantes ou pode ser tingido rapidamente durante a etapa de beneficiamento.

Acid Washed: esse é um dos tipos de lavagens do jeans que deixa a roupa com aspecto de manchada e pode ser alcançada com uma lavagem feita pela combinação de pedras pomes e cloro.


Destroyed: esse tipo de lavagem é bem parecida com a stone wash, porém, a quantidade de enzimas utilizadas nesse processo é maior e chega a corroer pontos do jeans.


Resinado: este tipo de acabamento dá ao tecido o efeito semelhante ao couro e é obtido por meio da aplicação de um spray resinado com corante ou brilho. Depois do tingimento, a peça passa por um aquecimento de até 160ºC para que o tingimento faça a adesão ao tecido.


Bigode: feito manualmente, simula o efeito do tempo sobre a peça nos locais quem que sofre maior desgaste, como na altura dos quadris e dobras das articulações.


Biofomo: Processo Biomofo específico para sobretingir por esgotamento as peças confeccionadas, criando um visual “mofado” nos pontos em baixo relevo sobre o jeans tais como: cós, passante, costuras laterais, parte externa da braguilha, bolsos e barras.

Black Desbotado: Este é o principal tipo de lavagem. O jeans black fica totalmente desbotado e com aspecto Vintage (envelhecido).

Clareamento | Bleaching: Técnica que usa permanganato de sódio ou outro descolorante químico, como o cloro para clarear a peça.

Corrosão: Processo utilizando permanganato, aplicado na peça com giz. É passado nas costuras, bolsos e detalhes, dando um efeito mais claro na peça.

Craquelado: Efeito obtido com o uso de pinos e prensa térmica em algumas partes da peça beneficiada, como na parte de trás da barra da calça, próximo dos bolsos e na altura das coxas.

Deep Blue | Black on Blue: Baseado na técnica doublé-dyed denim. No processo, o fio de urdume é tinto em azul e depois sobretinto em preto ou azul, de modo que com uso e as sucessivas lavagens o azul que está embaixo começa a ser revelado. O mesmo efeito pode ser obtido na lavanderia com a peça já pronta confeccionada em denin azul e depois sobretinta em preto ou outra cor definida pelo estilista.











Entre muitos.